Porto Alegre

Mapa prévio classifica Porto Alegre e mais 11 regiões como bandeira vermelha

Nova fase do Distanciamento Controlado indicou piora com relação à semana passada
Governo do Rio Grande do Sul classificou doze regiões em bandeira vermelha no mapa preliminar do Distanciamento Controlado | Foto: Felipe Dalla Valle / Palácio Piratini / CP

O governo do Rio Grande do Sul classificou, nesta sexta-feira, 12 regiões em bandeira vermelha no mapa preliminar da 18ª rodada do Distanciamento Controlado. Porto Alegre, que nessa semana tinha passado para a bandeira laranja, voltou a ser classificada como local de risco alto para contaminação do coronavírus nesta nova avaliação do governo estadual. 

Além da capital gaúcha, Capão da Canoa, Taquara, Novo Hamburgo, Canoas, Guaíba, Palmeira das Missões, Erechim, Santa Cruz do Sul, Lajeado, Santo Ângelo e Cruz Alta foram classificadas preliminarmente com a bandeira vermelha. 

As regiões de Santa Maria, Uruguaiana, Erechim, Bagé, Caxias do Sul, Cachoeira do Sul, Passo Fundo, Ijuí e Santa Rosa ficaram com a bandeira laranja nesta rodada. 

Os municípios e associações regionais podem apresentar, até as 6h de domingo, pedidos de reconsideração, que serão analisados para que as bandeiras definitivas sejam divulgadas na segunda-feira. 

Até a divulgação dos resultados da rodada, 16 regiões haviam aderido à cogestão, na qual podem adotar protocolos menos restritivos à bandeira na qual estão classificadas, mas no mínimo iguais à bandeira anterior: Capão da Canoa, Taquara, Novo Hamburgo, Canoas, Porto Alegre, Santo Ângelo, Cruz Alta, Ijuí, Santa Rosa, Palmeira das Missões, Passo Fundo, Pelotas, Caxias do Sul, Cachoeira do Sul, Santa Cruz do Sul e Lajeado. O pedido de cogestão de Erechim ainda está pendente.

O Rio Grande do Sul chegou a 3.650 mortes por Covid-19 nesta sexta-feira, conforme informou a Secretaria Estadual de Saúde (SES). A atualização do sistema de monitoramento estadual ainda totalizou pouco mais de 137,2 mil infectados distribuídos por 98% do território gaúcho. Apenas dez cidades gaúchas não apresentam, até o momento, registros de infectados e óbitos pelo vírus.

Internações 
O mapa preliminar teve ampliação do número de regiões com classificação de risco alto por conta do aumento de registros de novas internações confirmadas por Covid-19. Esse indicador, em particular, alcançou bandeira preta em algumas regiões. É caso das áreas de Lajeado, Santa Cruz do Sul, Palmeira das Missões, Taquara e Capão da Canoa, algumas delas também com piora no indicador que mede a proporção de casos da doença para cada grupo de 100 mil habitantes.

As regiões de Porto Alegre, Guaíba, Canoas e Novo Hamburgo aparecem novamente com bandeira vermelha, pois a macrorregião Metropolitana teve redução do número de leitos livres de UTI nesta última semana. O levantamento completo da 18ª rodada do Distanciamento Controlado pode ser acessado neste link

©‎2020 MultiMidia Info

0 comentários:

Postar um comentário

Recomende e compartilhe para seus amigos no facebook

Tecnologia do Blogger.