>

Salvador e mais oito municípios da Bahia vão ter antecipação de feriados; veja como vai funcionar

Medida anunciada pelo governador Rui Costa começa na próxima segunda e abrange também Feira de Santana, Itabuna, Ilhéus, Jequié, Lauro de Freitas, Candeias, Ipiaú e Camaçari.

Rui Costa anunciou novas medidas de isolamento nesta sexta-feira — Foto: Reprodução

O governador da Bahia, Rui Costa, anunciou, em entrevista conjunta com o prefeito de Salvador, ACM Neto, realizada nesta sexta-feira (22), que nove municípios do estado vão ter feriados antecipados. A medida vai ser realizada, além da capital baiana, nas cidades que registram mais de 100 casos confirmados da Covid-19: Feira de Santana, Itabuna, Ilhéus, Jequié, Lauro de Freitas, Candeias, Ipiaú e Camaçari. O objetivo é reduzir a taxa de contaminação do coronavírus nestes locais.

Rui Costa explica que a decisão foi tomada após reunião com ACM Neto e secretários de saúde. Ele explica que, da próxima segunda (25) até sexta-feira (29), estes municípios terão interrupção dos serviços não essenciais. Para isso, o governador decidiu pela antecipação de dois feriados regionais: Dois de Julho e São João. Segundo ele, a medida é semelhante à usada em São Paulo.

"Ontem, em reunião com o prefeito de Salvador, secretários de Saúde do estado e do município, fizemos várias projeções conjuntas e chegamos à conclusão de que precisaríamos de uma iniciativa mais forte. Hoje nós queremos anunciar que, em Salvador e mais oito municípios da Bahia, estaremos conjuntamente com a medida de interromper serviços não essenciais de segunda a sexta-feira da semana que vem para garantir, portanto, uma queda na taxa de contaminação. Esse não funcionamento ocorrerá com antecipação dos feriados, seguindo o que o estado de São Paulo fez”.

"No âmbito estadual, na segunda-feira e terça-feira. A quarta, o feriado municipal. Alguns municípios têm dois feriados. Portanto, para alguns deles, será quarta e quinta feriado. E pra quem não tiver feriado, a quinta e a sexta faremos decreto simultâneo de suspensão das atividades não essenciais".

Para os dias 28 e 29 de maio (quinta e sexta-feira), o Governo do Estado publicará decreto com a suspensão dos serviços não essenciais em nove cidades com mais de 100 casos confirmados da Covid-19. São elas: Salvador, Feira de Santana, Lauro de Freitas, Itabuna, Ilhéus, Jequié, Candeias, Ipiaú e Camaçari.

Nesses municípios, nos dias 28 e 29 de maio, será permitido apenas o funcionamento das agências bancárias, farmácias, indústrias, limpeza pública, manutenção urbana, supermercados e outros serviços relacionados a saúde e segurança.

Rui Costa explica que, apesar de, inicialmente, contar com estes nove municípios, a medida pode abranger outras cidades.

“Foram municípios que têm mais de 100 casos confirmados. Isso não significa que outros municípios ou prefeitos que queiram aderir a essa medida se entende que seu município está também com taxa alta, apesar de menos de 100, poderá aderir”, completou.

No caso de Salvador, além do Dois de Julho e São João, também vai haver a antecipação do feriado de 8 de dezembro, data em que é celebrada Nossa Senhora da Conceição, padroeira da Bahia.

"Conforme o governador falou, será antecipado o feriado do Dois de Julho, do 24 de Junho. E o município encaminha, ainda hoje, para a Câmara Municipal, a antecipação do feriado de 8 de dezembro, da nossa padroeira. Esses são feriados regionais. Com isso, nós teremos, aqui em Salvador, segunda, terça e quarta, de feriados. E vamos estender as medidas para quinta e sexta-feira. Portanto, toda próxima semana com atividades suspensas, exceto as essenciais: supermercados, farmácias, agência bancária. As agências só vão estar funcionando quinta e sexta. Todas as outras atividades econômicas e de serviços vão estar suspensas".

ACM Neto disse que Salvador vai antecipar feriado de 8 de dezembro — Foto: Reprodução

"Estamos preocupados em minimizar o máximo o impacto econômico dessa medida. Em Salvador, os três feriados caem em dia de semana. O liquido de sacrifício vai ser a quinta e sexta-feira", completou ACM Neto.

O prefeito de Salvador também acrescentou que as ações promovidas nos bairros de Brotas, Cosme de Farias, Bonfim, Liberdade e Lobato vão ser mantidas durante a próxima semana.

"O processo de distribuição de máscaras, medição de temperatura, testagem rápida, higienização de ruas, combate ao aedes aegypti continua. Não vamos suspender. A área essencial da prefeitura vai trabalhar", informou ACM Neto.

Redução de taxa
Rui Costa afirmou que espera, com essas novas medidas, reduzir a taxa de contaminação nesses municípios para abaixo de 5%, atual patamar de proliferação do vírus no estado. O governador disse que fez uma projeção e, se novas ações não forem tomadas, Salvador precisará de 500 leitos de UTI na próxima sexta-feira.

"Esperamos, com isso, derrubar para abaixo de 5% a taxa de contágio. A taxa média de crescimento está em torno de 5%. Nós começamos a epidemia na Bahia com 40% de taxa de reprodução. Em alguns municípios desses nove, chegamos a ter 30% de taxa de reprodução. Hoje, exceto Jequié, estamos no patamar de 5%. Apesar do número mais baixo, implica em uma demanda crescente. Ontem fizemos o exercício projetando número de pessoas que hoje estão na UTI, com os que estão aguardando na regulação. Com a taxa atual, estaremos, na sexta que vem, precisando em torno de 500 leitos de UTI somente para Salvador".

"Em função disso, entendemos era necessário, urgente, medida de choque, para consigamos sair com patamar bem abaixo dos 5%. Quem sabe isso nos permita começar a pensar, após a semana que vem, em retorno gradual se o resultado for o que nós esperamos. Depende da união de todos nós", afirma Rui Costa.

Segundo o prefeito ACM Neto, a antecipação dos feriados também vai ajudar a encurtar o processo de retorno das atividades na capital.

"Hoje está um pouco abaixo dos 6% (da taxa de contaminação). Ainda assim, precisamos fazer com que essa queda seja mais representativa. Exatamente para que a gente tenha um pouco mais de fôlego na distribuição dos leitos".

"Essa medida pode fazer com que encurte processo de retomada, retorno das atividades. A prefeitura vem conversando com principais seguimentos econômicos sobre protocolos de retorno, detalhando as medidas necessárias para retomada dessas atividades. É desejo nosso, sim, que a partir de junho, algumas atividades sejam retomadas, com protocolos, segurança, rigor", completou o prefeito.

Fonte: G1 Bahia

©‎2020 MultiMidia Info

0 comentários:

Postar um comentário

Recomende e compartilhe para seus amigos no facebook

Tecnologia do Blogger.